Sem categoria

BRAZIL – O FILME Dual Áudio / 1080p – Download – 1985




BRAZIL – 1985
REINO UNIDO
DRAMA – FANTASIA – FC
DIREÇÃO: Terry Gilliam
ROTEIRO: Terry Gilliam, Tom Stoppard
IMDb: 7,9 https://www.imdb.com/title/tt0088846/

POSTAGEM PUBLICADA ORIGINALMENTE EM 21/12/2020.

LINKS ATUALIZADOS.

DUAL ÁUDIO – BR-RIP + EXTRAS

Postado por Perene

Formato: MKV
Qualidade: BRRips (1920 x 1080) e DVDRips (720 x 480)
Tamanho: 2.1 ou 33.4 GB (BRRips da versão de cinema); 2.4 ou 37.7 GB (BRRips da versão do diretor); 7 GB (DVDRip da versão do diretor); 4 GB (DVDRip da versão “Love Conquers All”; 11 GB (extras e trilha sonora)
Duração: 131 min. (versão de cinema); 143 min. (versão do diretor); 93 min. (versão “Love Conquers All”)
Legendas: Português e Inglês (somente para a versão do diretor) – Selecionáveis; Inglês (demais versões)
Áudios: Português e Inglês (somente para a versão do diretor) – Selecionáveis; Inglês (demais versões)
Servidores: Mega e Internet Archive
Uploader: Perene

– Estou disponibilizando BRAZIL – O FILME (1985) em múltiplos arquivos. Antes de comentar sobre os mesmos é necessário explicar sobre as diferentes versões do filme. A exibida nos cinemas tem 2h11m. A do diretor tem 2h23m. Ambas estão no formato de tela Widescreen 1.78:1.

– Já a terceira nunca havia sido oficialmente lançada (foi editada para exibição na TV), até que a distribuidora Criterion disponibilizou anos mais tarde, em DVD. Ela se chama “Love Conquer’s All” e tem duração de 1 hora e 33 minutos. Além disso só existe no formato de tela-cheia (4:3), e é a única que está em resolução inferior, por estar, claro, em DVD (720×480). Posteriormente saiu um Blu-ray (da própria Criterion) com a mesma, onde foi feito “upscale” e passou a estar em 1080i (60hz). Upscale é uma forma de aumentar a resolução da imagem de forma artificial. Como não encontrei este Blu-ray também não achei este arquivo, apenas a edição da Criterion, em um tracker russo chamado “RUTRACKER”.

– Infelizmente esta edição da Criterion em 3 DVDs foi editada, pois a faixa de comentários em áudio (com partipação do diretor Terry Gilliam) do disco 1 da versão do diretor não estava na estrutura original do disco (e sim num arquivo AC3, do lado de fora). No lugar colocaram 2 dublagens (e legendas) em russo (que removi, mas a minha edição não altera a qualidade, pois é pelo MKVToolnix, já a deles não sei se fez isso, mas é provável que NÃO). Por isso, apesar do tamanho de 7 GB sugerir que não tem perda de qualidade na imagem/som (“lossless”), pode ser que não esteja assim.

– A versão de cinema eu encontrei no mesmo site, no tamanho de 33 GB para ela (note que é 37 para a do diretor). Ambos retirados de edições em BLU-RAY. Embora o segundo esteja confirmado como sendo “sem perda” o primeiro não, mas provavelmente também está assim, pois o site nomeou o arquivo como “REMUX”, daquele disco.

– Esses tamanhos gigantes não estão errados: a mídia do Blu-ray (1080p normal) pode ter tanto 25 como 50 GB, e a maior parte disso (geralmente uns 70%) é gasto com o filme (e o restante com o material extra). Em comparação um DVD (resolução 480p) original pode ter na mídia de 4 a 8 GB. Ao mesmo tempo enviei também as duas versões (cinema/diretor) de tamanho menor, com perda de qualidade (mas ainda assim ótima).

– Também está disponível, conforme expliquei antes, um DVDRip sem perda dessa edição da Criterion, na versão do diretor, e na chamada “Love Conquer’s All” (disco 3).

– Infelizmente todos os arquivos relativos a versão de cinema não possuem nem dublagem e nem legendas em português. Não encontrei nem um e nem outro sincronizados.

– A versão do diretor possui dublagem e legendas PT-BR nos TRÊS ARQUIVOS (DVD da Criterion, Blu-ray com e sem perda).

– A dublagem acima é do estúdio TELECINE e tem o Nilton Valério como Sam Lowry. Aparentemente passou na TV paga (incluindo Telecine Play) e na Amazon Prime. No entanto essa dublagem foi feita para a versão de cinema, e não para a do diretor. Quando o estúdio a encomendou a versão do diretor (estendida) não havia sido lançada ainda. Isso quer dizer que durante o filme entrará o áudio original em inglês em algumas cenas, sendo necessário que você ligue as legendas em português COMPLETAS, pois ainda não foi feita uma legenda PT-BR só para esses momentos.

– Pelo fato da dublagem citada anteriormente ter sido feita para a versão de cinema seria necessário apenas retirar as cenas adicionais (aquelas da versão do diretor, em que entra o áudio inglês), aí ela sincronizaria nos arquivos que estou colocando. Mas como isso não foi feito ainda (e nem encontrei legendas PT-BR sincronizadas), essas versões de cinema por enquanto continuarão apenas com áudio e legendas em inglês.

– E não bastaria fazer isso, pois a versão de cinema tem também conteúdo exclusivo dela, que não existe na versão do diretor, senão vejamos: a) Imagens de nuvens que abrem e fecham o filme, sendo que algumas foram tiradas de outro filme, um chamado “A História sem Fim” (1984); b) Após ver o primeiro tratamento cirúrgico da Sra. Lowry, Sam diz “Meu Deus, funcionou”; e c) Jack diz “Você parece que viu um fantasma, Sam…”, na entrada do Ministério de Informações, quando Sam vê a Jill Layton. Então não é só alguém chegar e usar um programa para recortar o áudio da dublagem que já está aí, e jogar na versão de cinema, sem as partes extras daquela do diretor/estendida. O ideal seria obter esse áudio justamente de alguma gravação (de TV ou quem sabe streaming?) baseada na versão DE CINEMA.

– TRILHA SONORA: “Brazil” teve até o momento dois álbuns lançados, ambos pela Milan Records. O primeiro, de 1992, traz 20 faixas, enquanto que o segundo, de 2006, traz uma a mais – a #21 é uma entrevista com o diretor do filme, contendo 11 minutos.

– Além disso o álbum de 2006 foi digitalmente remasterizado, e parece que é identificado também por “Silver Screen Edition”. Infelizmente este de 2006 não foi encontrado, porém o de 1992 está disponível no arquivo compactado “EXTRAS E TRILHA SONORA”, em FLAC, portanto sem perda de qualidade. Sobre a faixa “Sam Lowry’s 1st Dream – Brazil (feat. Kate Bush)” eu também coloquei a mesma retirada de um álbum chamado “The Other Sides”, da cantora Kate Bush, além de um arquivo de áudio adicional retirado do Youtube. Na pasta estes dois (que não fazem parte do álbum oficial de 1992) estão identificados como 02.1 e 02.2. Por fim eu coloquei mais 2 faixas adicionais, essas extraídas dos minutos finais (dos arquivos SEM PERDA do filme, nas versões de cinema/diretor, e convertidos de DTS para FLAC), que não encontrei na trilha oficial.

– EXTRAS: Os seguintes foram retirados do disco em Blu-ray sem perda, da versão do diretor: 1) Menu, 2) Theatrical trailer, 3) “What is Brazil?”, documentário de 29 minutos, sendo que aqui veio com legendas em português, além de inglês que gerei com ajuda do Youtube (transcrição que por vezes é imprecisa e contém erros).

– EXTRAS: já da edição em 3 DVDs da Criterion eu coloquei, em arquivos Matroska também: 1) “The Screenwriters” (9 min.); 2) “Costume Design” (5 min.), 3) “What Is Brazil?” (29 min.), 4) “The Score” (9 min.), 5) Theatrical Trailer (2 min.), 6) “The Battle Of Brazil: A Video History”, documentário de 55 minutos, e 7) Special Effects (trechos curtos e sem áudio (exceto um deles), que fazem mais sentido quando vemos pelo DVD 2 da Criterion, na área de SPECIAL EFFECTS). Todos estes extras da CRITERION vieram sem legendas nos discos, portanto eu apenas gerei as automáticas do Youtube também nesse idioma (muito úteis para transcrever o que é dito). “What is Brazil” tem a legenda PT-BR tirada do Blu-ray.

– Ainda sobre os extras: alguns outros, como galerias de fotos, storyboards e páginas de textos não podem ser convertidos para arquivos MKV. Nesses casos é necessário reproduzir cada disco original, e acessando cada menu deles chegar até o extra desejado. Isso pode ser feito com programas como Media Player Classic ou mesmo PowerDVD. Para preservar esses extras eu salvei cada um dos 3 DVDs da Criterion, em formato ISO.

– O ISO pode ser montado com ajuda de programas como DAEMON TOOLS ou o gratuito “Virtual CloneDrive”. Após montar as ISOs você pode acessar cada pasta VIDEO_TS usando o MPC ou programa que abra a autoração original. Importante frisar que eu removi das ISOs todo o conteúdo extra que já havia sido salvo em MKV, como o filme, o que permitiu reduzir o tamanho de todos. Todas as ISOs somadas consomem 3.2 GB, contra 17.8 GB dos tamanhos originais. Sendo assim você só pode usar as ISOs para acessar os extras que só podem ser vistos a partir dos DVDs, pois se clicar no link que leva ao filme (por exemplo, no DVD 1 da Criterion) o tocador irá travar ou não ir a lugar algum.

– OBS: na minha opinião o melhor programa para tocar DVDs a partir de ISOs é o PowerDVD, da Cyberlink. Porém é pago, ao contrário do MPC, que é gratuito.

– Sobre os lançamentos oficiais, vale a observação que o único disco contendo a VERSÃO DE CINEMA foi da distribuidora Universal, em Blu-ray (a de cinema nunca havia saído nem mesmo em DVD), com faixa DTS-HD MA 5.1. Já o CORTE DO DIRETOR saiu em todas as mídias e no máximo tem áudio DTS-HD MA 2.0. Na minha opinião a imagem da VERSÃO DO DIRETOR está melhor, enquanto que a de CINEMA está mais escura. E até o momento o filme não saiu em 4K.

– Quanto ao Megaupload, o melhor programa para baixar dele é o MEGASYNC, que permite inclusive resumir de onde parou. Primeiro crie uma conta gratuita no MEGA, depois anote o email de login e senha dele. Após isso insira esses 2 dados no aplicativo que irá baixar. Isso ajudará a diminuir limitações de tráfego. Infelizmente mesmo assim ainda há uma se não me engano de 1.5 GB a cada 5 horas. Após baixar 1.5 você precisa continuar 5 horas depois. Pelo programa JDOWNLOADER eu conseguia baixar vários arquivos e inclusive com tamanho bem maior, porém descobri recentemente que ele não funciona para isso, deve ter sido sorte de momento, pois há um bom tempo existe um bug que impede que ele realize o download. Nada é baixado e o JDW dá uma mensagem de erro. Sendo assim caso não consiga baixar do JDW mesmo seguindo minhas dicas (e sim, também é pra inserir dados de login dentro dele, na parte que gerencia contas) tente o MEGASYNC ou outro meio de baixar. Mas não use navegador para arquivos gigantes.

– Atualização de 10/4: pela primeira vez adicionei um servidor alternativo para todos os arquivos: o INTERNET ARCHIVE.

– Como sempre friso: é necessário ter o WinRAR ou 7-Zip para extrair arquivos compactados.

– Para baixar do ARCHIVE não é necessário, ao contrário do MEGA, ter criado uma conta nesse servidor e nem usar algum programa feito por eles. Mas é recomendável o uso do JDownloader ou Mipony, que são os programas que conseguem ler por exemplo o container DLC que estou colocando. Em outro link eu coloquei os endereços diretos pra baixar do ARCHIVE, então esses você apenas copia e cola, mas se preferir baixar tudo de uma vez opte pelo container em DLC. No caso do ARCHIVE não existe limitação de tráfego nos downloads.

– Apenas após fazer download ou do programa JDOWNLOADER ou MIPONY é que você poderá abrir o arquivo DLC que estou colocando como alternativa. É 100% obrigatório baixar todas as partes.

– Dentro do JDOWNLOADER clique com botão direito do mouse e escolha a opção “ADICIONAR CONTAINER” (ou pressione CONTROL + O), para trazer um DLC para lá.

– Após baixar você deverá descompactar cada arquivo individualmente. Explico: pelo 7-Zip ou WinRAR você abre a parte 1, manda descompactar, e depois faz isso com a 2, aí faz com a 3, etc. Sim, é pra fazer PARA TODOS ELES, digamos que tenha 11 partes: você faz isso manualmente nas 11. Não mande descompactar apenas o primeiro arquivo e depois apague os demais. É necessário fazer isso com cada um, isoladamente.

– Após descompactar cada arquivo 7-Zip você vai reparar que terá arquivos de extensão RAR, e também o mesmo número de partes dos 7z. Neste caso dos RAR basta mandar descompactar a parte 1 e esperar até a conclusão. Não repita o procedimento anterior, aqui basta apenas mandar extrair o primeiro deles.

– Foi necessário jogar arquivos RAR dentro de 7z (OBS: 7z é outra forma de compactar) porque o servidor não aceita arquivo de extensão .RAR.

BRAZIL, O FILME (Dual Áudio) – 1985 Postado por Bruno Fernandes
BRAZIL: O FILME (Dublado) – 1985 Postado por Panda & Marcos F.

MEGA

VERSÃO DE CINEMA (BRRip – ARQUIVO MAIOR): BRAZIL – O FILME

VERSÃO DE CINEMA (BRRip – ARQUIVO MENOR): BRAZIL – O FILME

VERSÃO DO DIRETOR (DVDRip): BRAZIL – O FILME

VERSÃO DO DIRETOR (BRRip – ARQUIVO MAIOR): BRAZIL – O FILME

VERSÃO DO DIRETOR (BRRip – ARQUIVO MENOR): BRAZIL – O FILME

VERSÃO “LOVE CONQUER’S ALL”: BRAZIL – O FILME

EXTRAS E TRILHA SONORA: BRAZIL – O FILME

INTERNET ARCHIVE

VERSÃO DE CINEMA (BRRip – ARQUIVO MAIOR): BRAZIL – O FILME

VERSÃO DE CINEMA (BRRip – ARQUIVO MAIOR) – CONTAINER DLC PARA O JDOWNLOADER OU MIPONY: BRAZIL – O FILME

VERSÃO DE CINEMA (BRRip – ARQUIVO MENOR): BRAZIL – O FILME

VERSÃO DO DIRETOR (DVDRip): BRAZIL – O FILME

VERSÃO DO DIRETOR (BRRip – ARQUIVO MAIOR): BRAZIL – O FILME

VERSÃO DO DIRETOR (BRRip – ARQUIVO MAIOR) – CONTAINER DLC PARA O JDOWNLOADER OU MIPONY: BRAZIL – O FILME

VERSÃO DO DIRETOR (BRRip – ARQUIVO MENOR): BRAZIL – O FILME

VERSÃO “LOVE CONQUER’S ALL”: BRAZIL – O FILME

EXTRAS E TRILHA SONORA: BRAZIL – O FILME

EXTRAS E TRILHA SONORA – CONTAINER DLC PARA O JDOWNLOADER OU MIPONY: BRAZIL – O FILME

Sam Lowry (Jonathan Pryce) vive num Estado totalitário, controlado pelos computadores e pela burocracia. Neste Estado futurista, todos são governados por fichas e cartões de crédito e ainda precisam pagar por tudo, até mesmo pela permanência na prisão. Em meio à opressão, Sam acaba se apaixonando por Jill Layton (Kim Greist), uma terrorista.
BRAZIL - O FILME (DUAL ÁUDIO/1080P) – 1985 FormatFactory1
BRAZIL - O FILME (DUAL ÁUDIO/1080P) – 1985 FormatFactory2
BRAZIL - O FILME (DUAL ÁUDIO/1080P) – 1985 FormatFactory3
BRAZIL - O FILME (DUAL ÁUDIO/1080P) – 1985 FormatFactory4
BRAZIL - O FILME (DUAL ÁUDIO/1080P) – 1985 FormatFactory5
BRAZIL - O FILME (DUAL ÁUDIO/1080P) – 1985 FormatFactory6

Jonathan Pryce … Sam Lowry
Robert De Niro … Harry Tuttle
Katherine Helmond … Mrs. Ida Lowry
Ian Holm … Mr. Kurtzmann

ACIMA DA LEI / O DIA DA LEI / UM COLT…PARA OS FILHOS DO DEMÔNIO (DUAL ÁUDIO/720P) - 1968 Ver%2Btodo%2Bo%2Belenco

ACIMA DA LEI / O DIA DA LEI / UM COLT…PARA OS FILHOS DO DEMÔNIO (DUAL ÁUDIO/720P) - 1968 Mais%2Binforma%25C3%25A7%25C3%25B5es

ACIMA DA LEI / O DIA DA LEI / UM COLT…PARA OS FILHOS DO DEMÔNIO (DUAL ÁUDIO/720P) - 1968 T%25C3%25B3picos%2Bde%2Bajuda

 

BRAZIL – O FILME Dual Áudio / 1080p – Download – 1985 Download via torrent